Energia Solar Fotovoltaica deve movimentar R$ 100 bilhões até 2030 no Brasil

nov 21, 2016 | Energia Solar, Energia Zero, Energias Renováveis, Inversores

Devido às constantes secas, crises de energia no setor elétrico e à demanda pela diversificação da matriz energética no país, os brasileiros estão cada vez mais buscando informações sobre energias alternativas.

Um dos sistemas mais indicado para aproveitar esta energia é o fotovoltaico. Para se ter uma ideia, uma hora de sol na superfície da Terra contém mais energia do que o planeta utiliza em um ano. É uma riqueza imensurável.

Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) até 2024 cerca de 1,2 milhões de geradores de energia solar ou mais deverão ser instalados em casas e empresas em todo o Brasil, representando 15% da matriz energética brasileira e até o 2030 o mercado de energia fotovoltaica deverá movimentar cerca de R$ 100 bilhões.

O país possui um grande potencial para movimentar este segmento. A radiação solar na região menos ensolarada é 40% maior do que na região mais ensolarada da Alemanha, por exemplo, que é um dos líderes no uso de energia fotovoltaica. Para aproveitar este potencial o preço do kWp – medida de potência energética associada com células fotovoltaicas – está reduzindo e nos próximos anos o desafio será abrir novas linhas de crédito e financiamento. A tendência é de que surjam mais programas do governo e modelos de negócios, tornando o processo mais acessível.

A população brasileira tem pago altas taxas de energia elétrica e sempre está na “berlinda” quando o assunto é água. Estes fatores têm impulsionado o número de instalações do sistema fotovoltaico. Os estados que mais instalam energia solar são Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo, sendo MG um dos pioneiros e com mais instalações e o RJ com melhor potencial e mais instalações por m². Na área empresarial, os estados que mais tem adotado e instalado sistema fotovoltaico são: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Santa Catarina.

Sede da Construir Sustentável em Tramandaí - RS

Sede da Construir Sustentável em Tramandaí – RS

Com quase quatro anos de atuação no Brasil – a partir da resolução 482/2012 – o sistema garante a todos os públicos, residencial, comercial ou industrial – que optarem pela energia solar, descontos na conta de luz. “Ou seja, se o sistema gerar mais energia do que o consumido, a energia excedente será injetada na rede pública. Esta medição é realizada através de um medidor de energia bidirecional – fornecido pela concessionária local – que quantificará os quilowatts-horas injetados de energia solar. Este excedente será calculado, para que o consumidor receba o desconto em sua conta de luz”, explica o diretor geral da Fronius, Roman Huemer.

Mais de 100 países utilizam energia solar fotovoltaica. A China, Japão e Estados Unidos, atualmente, são os mercados de energia fotovoltaica, contribuindo com quase 6% de sua demanda de eletricidade. A Alemanha é o maior produtor, mas estima-se que em breve será superado pela China.

“O Brasil dispõe de um potencial gigantesco. A Europa possui 88GW de energia fotovoltaica enquanto o Brasil está com menos de 1GW instalado, ou seja, representa apenas 0,02% do potencial da matriz energética brasileira. Mas este sistema está cada vez mais acessível no Brasil. De acordo com a ANEEL até 2024 cerca 1,2 milhões de geradores de energia solar devem ser instalados em casas e empresas em todo o Brasil”, alerta Roman.

“A energia fotovoltaica é uma tecnologia nova no território brasileiro, porém sua instalação é fácil e rápida. O sistema pode ser instalado em telhados residenciais, industriais ou comerciais, ou em solo, próximos ou diretamente no local onde é necessária a energia. Para cada tipo de telhado ou local de instalação existem sistemas de fixação e estruturas específicas.

É um mercado em ascensão que tem dado oportunidades para empreendedores investirem num negócio rentável. Diante deste cenário, a Fronius já vendeu mais de 3000 inversores no Brasil e espera que este número duplique nos próximos anos.

Neste contexto, insere-se a Construir Sustentável – Soluções em Energias Renováveis, empresa integradora que oferece soluções turn-key. Pioneira no litoral norte do Rio Grande Sul, foi responsável pelo projeto e instalação da primeira micro usina residencial na cidade de Tramandaí, conhecida como a capital das praias gaúchas. Com atuação em todo território nacional, trabalha com sustentabilidade na construção civil há mais de 6 anos.

Seu responsável técnico, o Engº Eletricista Ricardo Wagner Sandri, atuou diretamente na implantação das Centrais Fotovoltaicas Fontes I e II, localizadas em Tacaratu/PE, inauguradas em 25 de setembro de 2015. Fontes I e II são as maiores usinas fotovoltaicas em operação no Brasil e fazem parte do complexo Fontes, a 1ª Usina Híbrida do país.

O responsável pela equipe de instalação, Ademir Occhi, tem larga experiência comprovada em energia solar fotovoltaica, tendo instalado diversos sistemas por todo Brasil.

Parte da equipe Construir Sustentável em uma instalação residencial no Condomínio Enseada, em Xangri-lá/RS

Da direita para esquerda: Ademir Occhi, Tiago De Macedo Marques e Wellington Caetano, em uma instalação residencial no Condomínio Enseada, em Xangri-lá/RS


Quer gerar sua própria energia, economizar muito e ainda contribuir de forma direta para o meio ambiente? Teremos o maior prazer em apresentar nossas soluções, personalizadas para cada cliente, seja ele residencial, comercial ou industrial.

Mais informações Cel/Whats (51) 98152.7764, pelo formulário aqui no site ou pelo e-mail falecom@construirsustentavel.com.br

Redação Construir Sustentável com informações da LN Comunicação
Fotos: Arquivo Construir Sustentável, Fronius e Lufe Torres Fotografia

Mike Reynolds, “papa” da arquitetura sustentável, desenvolverá a 1ª Vila Sustentável Earthship no Brasil

Ler

Brasileiros querem gerar própria energia solar

Ler

Programa Palmas Solar incentiva desenvolvimento tecnológico

Ler

Fronius está ansiosa para 2017

Ler

Energia solar tende a ser a maior fonte de eletricidade do mundo em pouco mais de duas décadas

Ler

SUNEW apresenta fachada com maior aplicação de energia solar de 3ª geração do mundo

Ler

Nova fábrica da LEGO® na China terá 20 mil painéis solares

Ler

Energia Solar Fotovoltaica deve movimentar R$ 100 bilhões até 2030 no Brasil

Ler

Energia Solar Fotovoltaica na COP 22

Ler

Construções com recursos públicos poderão ser obrigadas a utilizar energias renováveis

Ler
Construir Sustentável - Soluções em Energia Renovável
Soluções
Cadastro
Solar News

Mike Reynolds, “papa” da arquitetura sustentável, desenvolverá a 1ª Vila Sustentável Earthship no Brasil

Ler

Brasileiros querem gerar própria energia solar

Ler

Programa Palmas Solar incentiva desenvolvimento tecnológico

Ler

Fronius está ansiosa para 2017

Ler

Energia solar tende a ser a maior fonte de eletricidade do mundo em pouco mais de duas décadas

Ler

SUNEW apresenta fachada com maior aplicação de energia solar de 3ª geração do mundo

Ler

Nova fábrica da LEGO® na China terá 20 mil painéis solares

Ler

Energia Solar Fotovoltaica deve movimentar R$ 100 bilhões até 2030 no Brasil

Ler

Energia Solar Fotovoltaica na COP 22

Ler

Construções com recursos públicos poderão ser obrigadas a utilizar energias renováveis

Ler

©2016 Construir Sustentável – Soluções em Energias Renováveis | Desenvolvido por JCMARTIM - Criação de Sites.

Share This